Pode depilar a barba com cera? O que a ANVISA diz sobre isso?

Muito se questiona a respeito de poder ou não depilar a barba. A verdade é que a ANVISA já prevê uma lei que assegura o bem-estar e a saúde do público masculino.

Para isso, a resolução prevê que os produtos depilatórios não venham a ser usados como forma de barbear, e o porquê disso está envolvido com uma série de fatores.

Por que não pode depilar a barba com cera?

Depilar a barba pode ser extremamente prejudicial para o bem-estar do indivíduo. Além disso, pode provocar flacidez na pele, devido à questão de que a pele masculina é mais “frágil” nesse sentido. Estima-se, inclusive, que a pele do homem tem uma tendência de ser 25% menos firme, depois dos 30 anos, do que a das mulheres.

Outras características também reforçam essa posição da ANVISA:

  • Pelos masculinos tendem a ser mais grossos.
  • A pele costuma ser mais oleosa.
  • O ph da pele é mais ácido.
  • Há maior flacidez.
  • A pele é mais resistente.
  • O fluxo sanguíneo é maior.

A Epilação causa micro lesões na pele para a saída do pelo, considerando as informações anteriores é possível compreender que na barba essas lesões são maiores, abrindo caminho para inflamações, infecções mais graves e hiperpigmentação pós inflamatória, visto que a pele do rosto fica mais exposta a contaminação de diversos tipos. Por estes motivos, a Epilação de Barba com cera não é autorizada respeitando os critérios de segurança do Ministério da Saúde e Anvisa!

O que diz a RDC sobre depilação de barba com cera? Pode depilar barba? Não pode? 

A RDC da ANVISA sobre produtos para depilação deixa claro que esta prática é proibida. Sendo assim, o seu salão ou a sua clínica de estética não poderá oferecer depilação de barba com cera. Caso contrário, terá de arcar com as consequências desse ato e está ciente que não terá respaldo jurídico caso aconteça algo com seu cliente.

A proibição não visa controle, visa saúde!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezesseis − treze =