Gengivite: O que é e como evitar

Um problema que causa grandes estragos em relação à saúde bucal, quando não é bem tratada, é a gengivite

A inflamação da gengiva pode ser progressiva, causando até mesmo a perda dos dentes e sintomas mais graves, como a destruição dos tecidos de suporte da arcada dentária, o osso alveolar e o ligamento periodontal.

Por esse motivo, o paciente que apresenta uma alteração na gengiva deve procurar um consultório odontológico o quanto antes. 

Essa inflamação pode ser resultado do acúmulo de restos de alimentos e má higienização bucal, causando a placa bacteriana e provocando o sangramento em uma área específica da gengiva.

Assim, o uso de escova de dentes com cerdas duras, ou a passagem do fio dental de maneira errada também pode provocar o abscesso gengival. 

Mesmo em se tratando de uma higienização bucal, é preciso tomar cuidado para evitar machucados dentro da boca, principalmente entre os dentes.

Além disso, a gengivite pode ser resultado de doenças que atingem o ser humano, de uma forma geral, como:

  • Alterações hormonais na gravidez;
  • Artrite;
  • Diabetes;
  • Doenças cardíacas;
  • Hepatite C;
  • Hereditariedade;
  • Medicamentos que impedem a salivação;
  • Obesidade.

Determinados hábitos também são prejudiciais para a saúde bucal, como fumar e consumir bebida alcoólica. 

Assim, é preciso lembrar que se houver acúmulo de germes e bactérias, a infecção pode ser muito ruim para a gengiva e toda a região oral e esses problemas são intensificados pelos impactos causados pelo fumo e álcool.

Mantenha a saúde bucal em dia

Com isso, é imprescindível reforçar a necessidade de manter os dentes limpos e saudáveis ao longo do dia, por toda a vida. 

Inclusive, as pessoas que fazem uso de aparelho ortodôntico passam por um tratamento que segue um planejamento desenvolvido pelo profissional da área da odontologia. 

Dependendo do tipo de acessório presente na boca, a higienização deve ser reforçada constantemente, pois o acúmulo de bactérias entre os dentes e as peças dos aparelhos pode ser facilitado, provocando doenças periodontais como a gengivite.

Assim, o paciente precisa seguir as recomendações do dentista quanto à limpeza dos dentes e a constante manutenção do aparelho de dente, durante todo o período do tratamento. 

Além disso, há instrumentos específicos que ajudam na limpeza dos dentes e na escovação por todas as áreas do acessório corretivo da arcada dentária ou alinhamento desejado, o que pode demandar mais atenção e até itens complementares para uma higiene completa.

Tenha cuidado com procedimentos estéticos

Após o alinhamento dos dentes, pode ser necessário fazer pequenas correções sobre a superfície de toda a arcada dentária. 

As clínicas odontológicas apresentam diversas soluções, entre elas a aplicação da lente de contato dental, que trata de lâminas ultrafinas sobrepostas sobre a superfície dos dentes. 

Por ser um procedimento planejado e desenvolvido de forma personalizada, ou seja, para cada paciente é produzido um modelo exclusivo, é preciso fazer uma avaliação das condições da gengiva antes e após o tratamento.

Isso porque, se houver qualquer inflamação, ela precisa ser tratada adequadamente antes de realizar o procedimento estético.

No entanto, a retração gengival também pode ocorrer caso o profissional não se atenha ao tamanho adequado das lâminas, ou então o paciente não faça a higienização de forma correta.

Outras situações que podem provocar um problema na gengiva, e acarretar em alterações estéticas e de saúde de forma mais delicada são os hábitos rotineiros, como roer as unhas e mordiscar tampas de caneta, por exemplo.

Substituição de dentes por próteses exige limpeza

As condições dos dentes dependem de fatores diversos, como a forma que uma pessoa cuida da saúde bucal diariamente. 

Deste modo, escovar os dentes ao acordar e antes de dormir, fazer uso de fio dental e aplicar enxaguante apropriado mantém a proteção necessária e o hálito mais fresco, sendo uma das práticas fundamentais para evitar as inflamações gengivais e perdas dentárias – bem como possíveis impactos na saúde geral advindas do acesso facilitado das bactérias.

Inclusive, esse cuidado diário precisa ser feito até mesmo em que tem os dentes originais substituídos por implante dentário, seja uma peça ou uma prótese integral, pois as gengivas e estrutura precisam ser mantidas limpas para conter a proliferação dos microorganismos.

Como a aplicação é feita após a perda dentária ou remoção dos dentes naturais que apresentavam problemas e trespassam a gengiva para a colocação de pinos, é necessário tomar ainda mais cuidado para não haver placas bacterianas ou tártaro na base, bem como evitar problemas como a perimplantite.

Tratamentos de limpeza profunda e estéticos só no dentista

A remoção dos elementos que podem ser causados por restos de alimentos e mudança da flora bucal exige uma limpeza profunda e, em alguns casos, pode-se recuperar a estrutura dental afetada ao aplicar o clareamento dental, proporcionando um sorriso mais branco e natural.

Contudo, o procedimento deve ser feito com profissionais especializados e devidamente credenciados para evitar que o gel clareador impacte a saúde das gengivas, causando queimaduras, inflamações e/ou retração.

Por fim, é importante ressaltar que a gengivite tem cura e pode ser tratada, desde que o diagnóstico seja realizado o quanto antes, durante uma consulta em uma clínica odontológica.

A identificação das causas e um diagnóstico adequado pode levar a um tratamento prematuro contra a gengivite, mantendo a boca saudável e livre de germes, vírus e bactérias. 

Pode ser que o paciente tenha que fazer mudanças alimentares, ou rever o modo de vida, como abandonar hábitos ruins que causam males não só para a boca, como para todo o corpo, de modo a manter a qualidade de vida.Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze − cinco =