Cirurgias

Quais os riscos da cirurgia bariátrica?

A cirurgia bariátrica tornou-se uma solução popular para aqueles que buscam uma redução significativa de peso. 

Considerada uma das alternativas para tratamento da obesidade mórbida, ela envolve alterações no sistema digestivo para ajudar o paciente a perder peso. 

No entanto, como qualquer procedimento cirúrgico, a cirurgia bariátrica possui riscos associados que devem ser ponderados antes de sua realização.

1. Complicações imediatas após a cirurgia

A cirurgia bariátrica, como qualquer outra intervenção cirúrgica, tem riscos de complicações pós-operatórias. 

Hemorragias, infecções e reações adversas à anestesia são possíveis imediatamente após o procedimento. 

Em algumas situações, pode ser necessário um procedimento adicional para corrigir ou tratar complicações iniciais.

2. Problemas de longo prazo

Além das complicações imediatas, existem riscos a longo prazo que os pacientes devem considerar. 

Pode ocorrer uma má absorção de nutrientes, levando a deficiências vitamínicas e minerais. 

Em alguns casos, existe o desenvolvimento de hérnias internas ou úlceras. Vale mencionar que existem procedimentos que visam mitigar algumas complicações, como o uso de técnicas para diminuição do estômago, onde o que é plasma de argônio se torna uma ferramenta adicional em determinadas situações.

3. Riscos associados ao rápido emagrecimento

O rápido emagrecimento após a cirurgia bariátrica pode resultar em algumas condições adversas. 

Além da já mencionada má absorção de nutrientes, pode ocorrer a síndrome de dumping, caracterizada por náuseas, vômitos e diarreia após a ingestão de alimentos. 

Outros efeitos incluem a formação de cálculos biliares e a flacidez da pele, exigindo cirurgias plásticas reparadoras.

4. Problemas psicológicos e emocionais

O impacto da cirurgia bariátrica não se restringe apenas ao corpo, mas também à mente do paciente. 

Muitos enfrentam problemas psicológicos após a cirurgia, desde a adaptação à nova imagem corporal até a depressão. 

Adicionalmente, é comum que alguns pacientes desenvolvam distúrbios alimentares, como a compulsão alimentar, devido às restrições impostas pelo novo tamanho do estômago.

Embora a cirurgia bariátrica ofereça muitos benefícios para aqueles que buscam perder peso, é essencial estar ciente dos riscos associados. 

Uma avaliação cuidadosa e uma discussão detalhada com profissionais de saúde podem ajudar a garantir que essa seja a melhor opção para o paciente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × três =